Buscar
  • Saymon César

Como Ser Afiliado Sem Dinheiro Para Investir?

Os gurus do marketing digital, como Érico Rocha e Camila Porto, costumam dizer que cerca de 90% dos leads (isto é, clientes em potencial) estão nas redes sociais, em especial o Facebook.


E eles estão certos.


O que torna as redes sociais tão efetivas para qualquer profissional do âmbito digital é a possibilidade de fazer com que as publicações apareçam para as pessoas que já fizeram ações potencialmente relevantes para o seu negócio. Isso traz muito mais assertividade para ações de compra do que espalhar anúncios para pessoas que não se interessam pelo que você oferece.


Entretanto, todos sabem que para alcançar quantidade significativa de pessoas é necessário impulsionar publicações, ou seja, usar um investimento para que as postagens apareçam para um público de forma exponencial.


É possível começar a construção de um público com apenas R$ 5,00 por dia, o que configura R$ 150,00 por mês. Entretanto, um alcance considerável se dá a partir de R$ 10,00 por dia (R$ 300,00), e não são todas as pessoas que podem começar com esse investimento.


Então, como fazer para começar uma carreira de afiliado sem dinheiro?


O Carreira Online traz hoje uma solução para que você comece a se projetar na internet e assim começar a ganhar autoridade na internet, caso não tenha nenhum investimento disponível.



Como Aparecer Nos Dois Sites Mais Acessados Do Mundo?

Você não tem ideia de quais são os sites que mais possuem tráfego diário do planeta?! O primeiro é o Google e o segundo é o YouTube. E por que isso é importante?


O YouTube pertence ao Google. E ambos oferecem a chance de você aparecer entre os primeiros resultados das buscas de forma orgânica, isto é, sem o uso de qualquer investimento.


Embora o caminho não seja nada simples e exija consistência, existem bons exemplos de profissionais que começaram a se projetar através das possibilidades do Google. Entre eles, Jeff Walker, autor do Product Launch Formula (ou Fórmula de Lançamento, trazida ao Brasil pelo Érico Rocha).


Outro bom exemplo disso é o brasileiro Eduardo Borges, que ministra um curso voltado ao aprendizado de técnicas para que sites ganhem relevância e assumam as três primeiras posições das buscas do Google.


Tudo isso é possível devido a uma tecnologia chamada SEO (Search Engine Optimization, ou Otimização para Motores de Busca, numa tradução livre), que cria alguns critérios para determinar quais sites oferecem maior relevância para as buscas dos usuários e os posiciona num sistema de ranqueamento replicado no Google.



Como Utilizar o SEO a Seu Favor?

Se um site não é visto, ele é tão útil quanto um milheiro de cartões de visita empilhados numa estante. E o SEO é capaz de fazer com que sua página, blog, loja virtual etc. saiam da irrelevância e comecem a gerar faturamento.


Para o caso de afiliados, o melhor é que sejam utilizados blogs ou vlogs. Ambos conseguem ser posicionados nas buscas do Google caso você explore com bastante cuidado as chamadas "palavras-chave", que são os termos utilizados pelos usuários nas buscas e que podem levar ao seu site.


Por exemplo, digamos que você seja um afiliado de cursos sobre educação financeira. Uma palavra-chave com bom volume de buscas é "como economizar". Escreva um artigo em seu blog sobre este assunto e, dependendo de algumas características, ele poderá pouco a pouco ganhar as primeiras posições no ranking do Google.


O artigo sobre "como economizar" pode ser uma boa oportunidade, por exemplo, para que você eduque o seu público em pequenas atitudes motivando-o a se aprofundar no assunto e assim, adquirir o curso que você divulga.



Quais Critérios Fazem Diferença Para o Google?

Abaixo, citamos alguns pontos importantes para que seu site ganhe relevância no ranqueamento. São eles:


  • Experiência do usuário: o tempo que o visitante permanece na sua página;

  • Carregamento: o site precisa ser leve e carregar imagens ou qualquer outro conteúdo de forma rápida para não prejudicar a experiência do usuário. Certifique-se de fazer testes em computadores e dispositivos móveis;

  • Keywords: a palavra-chave deve aparecer tanto na descrição do site, ou artigo de um blog ou produto de uma loja, como ao longo do conteúdo que você oferece;

  • Título: deve fazer referência à palavra-chave que você deseja ranquear. De preferência, deve estar presente no próprio título;

  • Intertítulos: os artigos devem ser divididos em subtítulos com a marcação html <h2> durante o conteúdo, a exemplo do que fazemos aqui na página do Carreira Online;

  • Imagens nomeadas: todos os arquivos de imagem pertences ao conteúdo devem conter a palavra-chave que você deseja ranquear;

  • Tráfego: o número de acessos diários na sua página;

  • Link building: seu site apontando para links de outros sites e também para páginas internas do seu site.

  • Vídeos anexados: uma ótima forma de fazer com que as pessoas se inscrevam no seu canal no YouTube. Basta anexar o vídeo no conteúdo da sua página, tratando do mesmo assunto da palavra-chave em questão.

No caso dos vlogs, podemos citar também a consistência, o tempo de retenção das pessoas assistindo o vídeo e o número de inscritos como critérios de diferenciação.


Entretanto, ainda não falamos do mais importante deles.



O Critério de Maior Diferenciação no Google

Embora todos os pontos abordados anteriormente sejam importantes, nada é maior do que os "backlinks", ou seja, links de sites apontando para o seu. Com isto, você ganha autoridade e o Google entende que sua página é uma boa referência.


Os backlinks correspondem a cerca de 80% da importância para o ranqueamento no Google e exigem disciplina do afiliado, uma vez que precisará pedir indicações a sites parceiros até que ele seja naturalmente acessado.


Vale lembrar que backlinks vindos de compartilhamentos de redes sociais não são válidos no entendimento do Google. Esse é um trabalho manual e que exige tempo para que você se relacione com as pessoas e as convença de seu conteúdo vale a pena ser lido.



Vale a Pena Investir Tempo em SEO?

Diversos produtores digitais, hoje com carreira milionárias, começaram através do SEO. No entanto, é muito importante dizer que a velocidade dos resultados é lenta, em virtude do enorme trabalho que deverá ser realizado.


Obviamente, o Google têm formas de priorizar aqueles que investem em anúncios para que apareçam mais para seus usuários. Entretanto, especializar-se em SEO significa que com um trabalho consistente, você conquistará autoridade, mesmo com pouco ou nenhum investimento financeiro.



11 visualizações

© 2019 Carreira Online. Todos os direitos Reservados

Siga a gente:

  • White Facebook Icon